Acordeonista gaúcho Ronison Borba lança álbum “Instantes”

Pics Música e Cultura | Acordeonista gaúcho Ronison Borba lança álbum
Pics Música e Cultura | Acordeonista gaúcho Ronison Borba lança álbum

Disco traz obras de importantes compositores da música erudita contemporânea escritas originalmente para acordeon

acordeonista gaúcho radicado em Portugal Ronison Borba lança nesta segunda (13/9) seu primeiro disco solo. Instantes é o nome do álbum, voltado para o acordeon na música clássica e estará disponível em todas as plataformas digitais e também em formato físico.



O disco resulta da pesquisa e estudo no âmbito da música erudita contemporânea escrita originalmente para o acordeon. É um trabalho de caráter inédito gravado no Brasil, trazendo obras de importantes compositores da literatura do instrumento, com conceitos composicionais distintos.

O repertório apresenta músicas de Viatcheslav Semyonov, Paul Rovsing Olsen, Jürgen Ganzer, Yuji Takahashi, Gennady Banshchikov, Franck Angelis, Sergey Voytenko e Paulo Jorge Ferreira. O disco tem a produção musical de Pedrinho Figueiredo financiamento do FAC/RS.

Ronison Borba é formado em música pela Universidade Federal de Santa Maria e bacharel em acordeon pela Escola Superior de Artes Aplicadas, em Castelo Branco/Portugal. Segundo brasileiro com formação específica no seu instrumento, é aluno do renomado acordeonista, compositor e professor português Paulo Jorge Ferreira. Participou de festivais em vários estados do Brasil e em países como Argentina, Chile, França e Portugal.

Foi vencedor de diversos festivais e concursos no âmbito nacional e internacional, tanto em acordeon solo como em música de câmara. Ministrou aulas em importantes festivais ligados ao ensino do acordeon no Brasil. Estudou e participou de masterclass com renomados os acordeonsitas Richard Galliano (França), Gorka Hermosa (Espanha), Iñaki Alberdi (Espanha), Miloš Milivojević (Servia), Bartosz Glowacki (Polônia), Chico Chagas, Toninho Ferragutti, Luciano Maia, Samuca do Acordeon, Oscar dos Reis, Elias Rezende e Otavio de Assis Brasil. Em 2017 gravou o disco Arrebol com o Mafuá Trio Instrumental, e agora lança Instantes, seu primeiro disco solo.

INSTANTES – Ronison Borba
Ficha técnica:

Pedrinho Figueiredo: produção musical, mixagem e masterização
Paulo Jorge Ferreira: orientação interpretativa
Bruno Klein: Engenheiro de som
Fábio Zambom: foto
Emily Borghetti: projeto gráfico
Mauricio Horn e cia Ltda: produção executiva

Gravado no Porta da Toca Estúdio, dezembro 2020

Obras

Passacaglia(Jürgen Ganzer)
Romance  (Franck Angelis)
Without A Title Op.72  (Poul Rovsing Olsen)
Sonata nº1(Gennady Banshchikov)
Allegretto
Andante
Vivo

Like a Water Buffalo(Yuji Takahashi)
Revelation  (Sergey Voytenko)
Soluços  (Paulo Jorge Ferreira)
Caprice nº1(Viatcheslav Semionov)

APRESENTAÇÃO DO DISCO

Por: Paulo Jorge Ferreira (PORTUGAL, 2021)

É com enorme alegria que tenho assistido ao caminho extremamente determinado levado a cabo pelo Ronison Borba, em relação à sua forma de estar na música. O entusiasmo que revela pela descoberta de tudo o que gira em torno do acordeão é por mais evidente.  Aliando seriedade de princípios de estudo a um grande rigor na pesquisa e interpretação musical, prevejo que se torne muito rapidamente num dos acordeonistas brasileiros mais conceituados da sua geração.

O registo fonográfico apresentado neste CD é constituído por obras de compositores com conceitos composicionais muito distintos, o que, por si só torna o disco realmente interessante e abrangente no ponto de vista da interação com o ouvinte. O facto das obras escolhidas serem exclusivamente originais para acordeão é um aspeto relevante e que enaltece a qualidade do repertório escrito para o instrumento.  Para além disto, Ronison demonstra todo o seu talento na execução de um programa de elevado grau de dificuldade.

Estou fortemente convencido de que este disco poderá ser uma mais valia para o futuro do acordeão erudito no Brasil e um contributo assinalável para a promoção de um instrumento que tem todas as condições para ser desenvolvido e potenciado num país com forte tradição musical.

Através deste trabalho discográfico e do seu conteúdo, que certamente será um grande sucesso e motivo de orgulho para a música no Brasil, os jovens acordeonistas brasileiros terão aqui um impulso e motivação extra para acreditarem que é possível construir uma carreira artística na vertente clássica do seu instrumento querido, o acordeão.

Assessoria de imprensa:
Raphaela Donaduce – Dona Flor Comunicação

PUBLICIDADE