The Dead Daisies – Holy Ground (Um Metal por Dia)

The Dead Daisies – Holy Ground

O The Dead Daisies, que parecia ter se estabilizado com John Corabi ao microfone, passou por uma grande reformulação antes do lançamento do seu quinto trabalho de estúdio

Com a saída do ex-Motley Crue, o supergrupo liderado pelo guitarrista (e multimilionário) australiano David Lowy recrutou um substituto à altura, trazendo Glenn Hughes para assumir a função em “Holy Ground“, que chegou às plataformas de streaming no começo de 2021.

O hardrock potente da banda, muito bem dimensionado nos excelentes “Make Some Noise” (2016) e “Burn It Down” (2018), ganhou uma nova dimensão a partir da entrada do vocalista e baixista inglês. Acompanhado pelo produtor Ben Grosse (Marilyn Manson e Alter Bridge) durante uma temporada no belíssimo estúdio francês La Fabrique, o The Dead Daisies – que ainda contava com Doug Aldrich e Deen Castronovo na época – deixou registrado aqui 11 composições diretas e de grande apelo radiofônico, todas com aquele toque funkeado que só Glenn Hughes sabe proporcionar.

O quarteto, apesar dos seus diferentes interesses, continua atuando de forma bastante coesa, cada vez mais parecendo uma banda de verdade do que um projeto de músicos contratados. Com refrãos marcantes, melodias grudentas e uma performance irrepreensível do seu novo frontman, o grupo teve o mérito de mostrar toda a qualidade do seu rock’n’roll vibrante e despojado, que une o clássico e o moderno, com muito groove e riffs pesados.

Holy Ground“, que tem tudo para ser considerado o melhor registro do The Dead Daisies até o momento, se sobressai diante dos seus antecessores pelas faixas “Holy Ground (Shake the Memory)“, “Like No Other (Bassline)“, “Come Alive“, “Chosen and Justifed“, “Unspoken” e “30 Days in The Hole“, essa última um cover do Humble Pie. Distribuído no Brasil através da parceria da Shinigami Records BR com a Sound City Records, o álbum debutou no top 10 dos charts dos Estados Unidos e de diversos países da Europa, marcando uma nova era para a banda, que está plenamente preparada e entrosada para excursionar pelo mundo inteiro.




Sobre o autor