Desert Druid and The Acid Caravan – The Vvitch (Um Metal por Dia)

Desert Druid and The Acid Caravan – The Vvitch

O Desert Druid and The Acid Caravan soltou, no início de julho, o seu primeiro EP

O trio de Sorocaba, que executa um Doom Metal cheio de referências do heavy tradicional, do hard rock e até mesmo do horror punk, aos poucos vai conquistando o seu espaço com as quatro faixas de “The Vvitch”.

F. Klinger (vocal e baixo), Nass (guitarra) e E. Lisboa (bateria), que também absorvem toda aquela vibre macabra do occultrock, conseguiram criar aqui instrumental denso e vigoroso, que volta aos primórdios do gênero lá na década de 70, influenciado pelo Black Sabbath e pelo Pentagram, mas sem deixar de olhar para a frente, sobretudo para aquilo que o noise rock tem de mais atual.

Somando 15 minutos, “The Vvitch”, “Total Madness”, “Mistress of Black Heart” e “Witching Hour” também mostram uma ótima desenvoltura, seja pelas pitadas de rock psicodélico na hora dos ou pelo toque quase black metal à lá Venom em algumas harmonias.

Com personalidade e uma boa dose de originalidade, o power trio acertou em cheio no seu EP de estreia, que faz um interessante contraponto a algumas bandas similares , de abordagem rítmica mais leve e calcada no blues, como o Lucifer e o Blues Pills.

The Vvitch” não está disponível somente nas plataformas de streaming. O Desert Druid and The Acid Caravan já assinou com selo argentino Ruido Teka Records para lançar o EP em k7 e com os holandeses da DHU Records para prensá-lo também em vinil.




Sobre o autor