Orden Ogan – Final Days (Um Metal por Dia)

Orden Ogan – Final Days

O Orden Ogan, que começou a sua trajetória dentro do folk metal e aos poucos foi se aproximando do powermetal, lançou em 2021 um dos melhores discos do gênero

O sétimo trabalho de estúdio do quinteto alemão, intitulado “Final Days”, teve a sua produção assinada pelo vocalista Sebastian Seeb Levermann e mostra como a banda conseguiu criar um repertório dinâmico, com muitas influências do metal progressivo e do metal contemporâneo.

Cada vez mais distante da sonoridade épica dos seus conterrâneos do Blind Guardian e mais próximo do heavy moderno do Amaranthe, o grupo deu a “Final Days” um toque bem radiofônico, caprichando nas melodias grudentas e nos refrões grandiosos.

Os riffs agressivos, os andamentos acelerados e aquela vibe alto-astral típica do estilo também são algumas características do material, que empolga do início ao fim. Ainda longe de ter a mesma representatividade de um Sabaton ou de um HammerFall, o Orden Ogan pode até não criado algo totalmente original, mas acertou ao apostar em todos os velhos clichês a partir de uma abordagem diferenciada, se comparada com qualquer item regresso da sua discografia.

Heart of The Android”, “In the Dawn of The Ai”, “Inferno”, “Let the Fire Rain”, “Black Hole” e “Absolution for Our Final Days” são os principais destaques do registro, que tem todas as condições de colocar a banda em evidência para além do seu país natal, já que por lá o grupo sempre alcançou boas posições nos charts.

Final Days”, além de cumprir satisfatoriamente a sua missão, pode ampliar os números do Orden Ogan nas plataformas de streaming e nas redes sociais, que ainda são bem modestos para quem está na estrada há quase duas décadas.




Sobre o autor