Marcelo Delacroix e quinteto apresentam show no Teatro Glênio Peres dias 23 e 24 de setembro

Com entrada franca, o espetáculo acontece nas noites de sexta e sábado dentro da 6ª Mostra de Artes e Música do Teatro Glênio Peres

O músico e compositor Marcelo Delacroix realiza o show 40 Anos de Música nas noites de 23 e 24 de setembro, sexta e sábado, às 19h, no Teatro Glênio Peres da Câmara Municipal de Porto Alegre (Av. Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico). A entrada é franca.

O espetáculo reúne o quinteto formado por Delacroix, Beto Chedid (violões. bandolim, cavaquinho, harmônica e voz) Giovanni Berti (percussão e voz), Mateus Mapa (flauta, baixo, percussão e voz) e Zelito (violões, violino, baixo e voz). Os convites podem ser retirados a partir do dia 21, das 9h às 18h, na Seção de Memorial, situada no andar térreo da Câmara.

A seleção musical inclui composições do próximo disco, que traz Precisamos Conversar (parceria com Mário Falcão), Benfazeja (com Arthur de Faria e Nelson Coelho de Castro), Fonte da Nostalgia (com Carlo Pianta), Luna Diurna (com Raul Ellwanger). De seus discos anteriores, não faltarão as já conhecidas Chove sobre a Cidade (com Ronald Augusto), Inverno (com Arthur de Faria), História de Nós Dois (com Leandro Maia) e Cantiga de Eira, do folclorista Barbosa Lessa, canção que esteve esquecida por décadas, e foi revitalizada por Delacroix e seu disco Depois do Raio.

O show integra a 6ª Mostra de Artes e Música do Teatro Glênio Peres. “Este evento é um projeto fundamental hoje na cultura de Porto Alegre e no estado do RS, abrindo o teatro Glênio Peres para a comunidade e oferecendo uma programação cultural e artística muito rica“, avalia Marcelo Delacroix. “Eu me sinto muito feliz e honrado em estar fazendo parte deste grande espetáculo“, conclui.

Radicado em Porto Alegre (RS) desde a infância, Marcelo Delacroix nasceu em Curitiba (PR) em julho de 1966, Compositor, cantor e produtor, iniciou seus estudos na Escola de Música da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA) e graduou-se em Música no Instituto de Artes da UFRGS. Atua ainda como educador musical para crianças e adultos e atualmente coordena os grupos de canto Sol de Si e Quartas Cantantes.

Lançou cinco discos autorais: Grupo Quebra Cabeça (instrumental, 1994), Marcelo Delacroix (2000) e Depois do Raio (2006), ambos vencedores do Prêmio Açorianos de Melhor Disco MPB; Canciones Cruzadas (2013), em parceria com o uruguaio Dany López, e Tresavento (2020), seu mais recente trabalho. O músico compôs diversas trilhas para produções de teatro, dança, televisão e cinema, que também lhe valeram alguns prêmios.

SERVIÇO
O que: Show “40 Anos de Música”
Quando: 23 e 24 de setembro (sexta e sábado), às 19h;
Onde: Teatro Glênio Peres (Av. Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico);
Participantes: Marcelo Delacroix (voz e violões), Beto Chedid (cavaquinho e charango) Giovanni Berti (percussão), Mateus Mapa (flauta e baixo) e Zelito (violão, violino, guitarra, baixo e voz);

Ingressos: Gratuito – convites podem ser retirados a partir do dia 21 de setembro, das 9h às 18h, na Seção de Memorial – andar térreo da Câmara Municipal de Porto Alegre.

Assessoria de imprensa:
Isidoro B. Guggiana

Foto:
Daisson Flach


Sobre o autor