Felipe Karam e Max Garcia lançam EP “Influências” dia 29 de setembro no Café Fon Fon

Duo instrumental apresenta trabalho de origem brasileira “influenciado”, com a participação do percussionista Bruno Coelho

O violinista e compositor gaúcho, Felipe Karam, em parceria com o violonista popular gaúcho, Max Garcia, lança EP “Influências“, no dia 29 de setembro, às 21 horas, no Café Fon Fon, em Porto Alegre, ao mesmo tempo em que será lançado em todas as plataformas digitais. O concerto, apresentado por Karam no violino de cinco cordas e Garcia no violão de sete cordas, contará com a participação de Bruno Coelho na percussão. Serão apresentados temas inéditos e celebrados seus lançamentos simultâneos nas plataformas digitais.

As músicas, de origem brasileira, intituladas Milonga AndaluzPorto dos CasaisBaião na Araponga e Que Samba é Esse, possuem características regionais, mas com forte influência da música flamenca, latino-americana e do jazz. Segundo Karam, “uma característica comum do trabalho é que todas as danças utilizadas nas composições são apresentadas com alguma variação rítmica de outro gênero”.

Em trio instrumental, serão apresentadas as quatro músicas do EP “Influências”, outras autorais do trio, como Água de Santo, e releituras de artistas como Dorival Caymmi e Astor Piazzolla. Segundo Garcia, o trabalho autoral possui bastante diversidade de ritmos e brasilidade. Já Felipe Karam aponta para as escolhas de construção coletivas de arranjo, o resultado estético musical e as melodias marcantes e não convencionais. Os ingressos e reservas, no valor de R$ 30,00, já estão disponíveis, direto pelo Café Fon Fon

PUBLICIDADE

SOBRE FELIPE KARAM E MAX GARCIA:
Violinista e compositor, natural de Porto Alegre-RS, Felipe Karam é bacharel em Violino pela Universidade Federal do  Rio   Grande  do   Sul (UFRGS, 2002)  e   mestre  em  Music  Performance  pela   City  University London (Londres-UK 2012). Músico experiente, já realizou diversas turnês pela Europa, apresentações em projetos, festivais e lançamentos fonográficos, nacionais e internacionais: Na capital inglesa, três discos autorais com o grupo Pocket Caravan e um de Choro e Samba com o Grupo Caratinga, vencedor do “Press Award-UK 2011”, como Melhor CD de Música Brasileira. De volta ao Brasil, em 2018, lança o disco “De Sol a Sol”, seu trabalho solo, ao violino de cinco cordas, o qual recebeu duas indicações ao Prêmio Açorianos de Música e também selecionado pelo FEMUCIC 2019. Em 2021 lança “Água de Santo”, ao estilo Jazz Brasil, em quarteto instrumental. 

Violonista e compositor, natural de Porto Alegre-RS, Max Garcia é requisitado acompanhador em CDs, filmes, projetos e shows de artistas consagrados, tendo atuado no álbum ‘Noturno’, da cantora Anaadi,  vencedor do Grammy Latino em 2018. Bacharelando em Música Popular pela Ufrgs, mas com forte atuação no mercado, ao violão 7 cordas, Garcia participou da obra do Octávio Dutra no filme documentário “Espia Só”, de Saturnino Rocha. Chorão firme, apresentou-se, também, ao lado de Hamilton de Holanda no Regional “Espia Só”, pelo Unimusica. Além de violonista, Garcia deixou sua marca como arranjador e produtor musical nos EPs “Banquete” e “Viva Percussão”, do cantor gaúcho Marcelo Amaro, em 2016. Participou da gravação de “Vai La Vai La (Samba con Salsita)” e já dividiu palco com nomes como Hamilton de Holanda, Reinaldo, Serginho Meriti, Antônio Villeroy, Toninho Gerais, Almir Guineto e Nei Lopes. Em 2018, integrou o quarteto do violinista gaúcho Felipe Karam no disco “De Sol a Sol” e “Água de Santo”.

Capa do EP. Arte de Juliette S. sobre foto de Valter Júnio

SOBRE O EP “INFLUÊNCIAS”
O EP Influências, de Felipe Karam e Max Garcia, será lançado no dia 29 de setembro em todas as plataformas digitais. A obra fonográfica celebra uma longa parceria entre os compositores, que optaram por uma dinâmica de gravação mais próxima do “ao vivo”. As ideias musicais e a construção de arranjos foram realizadas por Felipe Karam no violino, Max Garcia no violão e Bruno Coelho na percuteria.

PUBLICIDADE

Segundo eles, o trabalho resultou em uma sonoridade bem orgânica, apresentando com veemência os quatro temas autorais de origem brasileira, porém “influenciados”. Porto dos Casais foi uma polca criada em homenagem aos 250 anos de Porto Alegre-RS, de melodia tocante e com influência da polca paraguaia. Baião na Araponga é um baião de compasso quaternário, que resulta numa leitura mais lírica e livre do gênero, destacando-se pelas variações rítmicas e improvisações entre os instrumentos. Milonga Andaluz, por sua vez, traz a cadência da Andaluzia para a linguagem da milonga gaúcha, muito comum na música espanhola e em “bulerias”. E Que Samba É Esse, por fim, é um samba-exaltação, bem “pra cima”, que remete a tudo que se tem de “mais Brasil”, reforçando elementos fundamentais do estilo e fechando com levada de salsa.

Conforme Karam, o trabalho gerou orgulho, resultando numa boa representação da música brasileira instrumental. A gravação do “Ep Influências” foi realizada no estúdio Tec. Áudio, em Porto Alegre-RS, a produção musical e os arranjos, pelos próprios músicos, mixagem por Antonio Flores, masterização por Marcos Abreu, produção e arte gráfica por Juliette S. e assessoria de imprensa por Silvia Abreu.

SERVIÇO DO LANÇAMENTO DO EP:
O que: Lançamento do EP Influências, de Felipe Karam e Max Garcia
Quando: 29 de setembro, quinta-feira
Onde: Em todas as plataformas digitais

PUBLICIDADE

SERVIÇO
O que: Show de Lançamento do EP Influências, de Felipe Karam e Max Garcia
Quando: 29 de setembro de 2022, quinta-feira, às 21h
Onde: Café Fon Fon, (R. Vieira de Castro, 22 – Farroupilha, Porto Alegre – RS)
Valor: R$ 30,00
Ingressos: WhatsApp (51) 9880-7689 ou pelo link: encurtador.com.br/cfvzH
Classificação etária: 16 anos

Assessoria de Imprensa:
Silvia Abreu

Foto:
Valter Júnir

PUBLICIDADE