Necrophagist – Onset Of Putrefaction (Um Metal por Dia)

Necrophagist – Onset Of Putrefaction

Com uma carreira que durou pouco tempo e rendeu apenas dois álbuns, o Necrophagist mesmo assim conseguiu se tornar uma das referências do Death Metal contemporâneo

O grupo germânico, capitaneado pelo vocalista e multi-instrumentista de origem turca Muhammed Suiçmez, se tornou conhecido por dar um contorno bastante técnico e ousado ao estilo, absorvendo um pouco do metal progressivo e da música clássica barroca, criando camadas complexas e texturas incomuns ao metal extremo.

O disco de estreia da banda, intitulado “Onset of Putrefaction“, saiu em 1999, mas só circulou de verdade em 2004, quando foi remasterizado e relançado pela Relapse Records. O registro, que deixou evidente todas as virtudes da one man band concebida por Suiçmez, chama a atenção por conta do seu repertório agressivo e muito bem lapidado.

Com riffs melódicos superbem encaixados com a bateria acelerada (e programada), “Onset of Putrefaction” faz, quase todo o tempo, um interessante contraponto entre a performance cadavérica do seu líder ao microfone e o instrumental grandioso proposto pelo Necrophagist, que conta com mudanças de ritmo desconcertantes e solos de guitarra e de baixo que agregam muitos detalhes às composições.

Mutilate the Stillborn”, “Intestinal Incubation”, “Advanced Corpse Terror” e “Extreme Unction” são os melhores momentos do material, que impressiona por sair totalmente da curva e levar o death metal a um outro patamar.

Não é por acaso que a banda encerrou as atividades em 2004 e segue com mais de 50 mil ouvintes mensais no Spotify.




Sobre o autor