Kadavar – Abra Kadavar (Um Metal por Dia)

Kadavar – Abra Kadavar

O Kadavar, que está na estrada desde 2010, é mais uma daquelas bandas influenciadas pelo rock setentista

Menos vibrante e mais sublime que os seus pares, o trio de Berlim tem se diferenciado dos demais grupos pela sua sonoridade um tanto quanto obscura, marcada pelo stoner e pelo rock psicodélico.

Após estrear em grande estilo com “Kadavar” (2012), a banda assinou com a potente Nuclear Blast Records antes de gravar o seu segundo trabalho de estúdio.

Abra Kadavar“, que chegou às lojas no ano seguinte, mostra uma banda bem mais madura e decidida. Christoph Lindemann (vocal e guitarra), Philipp Lippitz (baixo) e Christoph Bartelt (bateria) conseguiram dar ao disco uma pegada mais nervosa e encorpada, com um pouco daquele Heavy Metal rústico à lá Black Sabbath.

Muito bem recebido pelo público e pela crítica especializada, conquistando um honroso lugar no top 100 dos charts alemães, “Abra Kadavar” foi acompanhado de uma longa turnê pela Europa e por um álbum ao vivo, gravado na Bélgica. O registro, que se mantém distante do calor do blues rock para assumir uma postura mais fria, ácida e introspectiva, tem as suas canções de destaque, como são os casos de “Come Back Life“, “Doomsday Machine“, “Dust“, “Fire“, “Liquid Dream” e “The Man I Shot“.

Com riffs diversificados e pesados, o repertório de “Abra Kadavar” ganha com a voz incomum de Lindemann um toque bem pessoal. Fugindo do senso comum e deixando exalar toda a sua criatividade, o Kadavar já construiu o seu caminho e conquistou o seu espaço.

Abra Kadavar” é um bom exemplo do frescor que os alemães estão trazendo para o universo da música pesada.




Sobre o autor