Siegrid Ingrid – The Corpse Falls (Um Metal por Dia)

Siegrid Ingrid – The Corpse Falls

O Siegrid Ingrid, que iniciou a sua trajetória no final da década de 80, é um dos grupos pioneiros da cena Groove Metal nacional

A banda, que também incorpora alguns elementos do Thrash, do Grindcore e do Hardcore na sua sonoridade, teria uma carreira de grande visibilidade se não fosse a inconstância do seu material de estúdio e a instabilidade do seu line-up.

De volta à ativa em 2020 com o single “Damned Conviction”, o quinteto paulista soltou o seu segundo (e mais recente) trabalho completo de estúdio em 1999. “The Corpse Falls”, que foi distribuído pela lendária Cogumelo Records, é marcado pelas suas dez composições ágeis e agressivas, que juntas não ultrapassam meia hora de duração.

Muito bem produzido por Heros Trench no famoso Mr Som Studio, o álbum é marcado pelo seu instrumental enérgico e raivoso, que serve de base para as críticas de cunho social gritadas por Mauro Lepri ao microfone. Os riffs gordurosos da dupla Leonardo “Borô” Morales e Andre Gubber, assim como a cozinha habilidosa de Luiz Berenguer (baixo) e Evandro Jr. (bateria), mostram as credenciais que o Siegrid Ingrid sempre teve, prezando pela técnica e pelo profissionalismo ao mesmo tempo que investe as suas fichas em canções ríspidas e urgentes.

The Corpse Falls”, que foi bastante elogiado pelas revistas Roadie Crew e Rock Brigade por conta das suas canções envolventes, tem como destaque faixas intensas do quilate de “Murder”, “The Path of Nothingness”, “End of Time”, “Haven of Dusk”, “Demência” (que tem apenas 44 segundos) e “Depressed”.

Se a boa impressão causada pelo disco levou a banda a se apresentar no Fúria MTV e na Tv Cultura, as dificuldades impostas pelo cenário underground impossibilitaram que a banda seguisse adiante, pelo menos naquele momento.

O hiato de quase 15 anos, no entanto, não diminuiu a força e a ambição do Siegrid Ingrid, que aos poucos vai sendo (re)descoberto pelos headbangers em todas as plataformas de streaming.




Sobre o autor