Alice Cooper – School’s Out (Um Metal por Dia)

Alice Cooper – School’s Out

A carreira de Alice Cooper, que já havia ganhado forma quando o single “I’m Eighteen” estourou nas rádios em 1971, começou a se tornar verdadeiramente grande no ano seguinte, com a chegada de “School’s Out” às lojas.

O registro, que debutou numa honrosa segunda posição das paradas da Billboard, consolidou a proposta artística do cantor norte-americano, que até hoje alia hard rock, heavy metal e todos os elementos teatrais daquilo que é conhecido como shock rock.

Gravado no famoso Record Plant Studio, em Nova York, e produzido pelo lendário Bob Ezrin, “School’s Out” tem a façanha de não se apegar somente aos riffs pesados de guitarra, mostrando um repertório bastante diversificado, com muita melodia, criatividade e influências bem claras do blues e do jazz em várias composições.

Ao lado dos guitarristas Glen Buxton e Michael Bruce, do baixista Dennis Dunaway e do baterista Neal Smith, Alice Cooper deixou eternizado aqui um conjunto bem interessante de nove canções.

A enérgica “School’s Out“, com o seu refrão extremamente pegajoso, talvez seja o principal destaque do material e um dos maiores hits da carreira do vocalista.

Mas, para além disso, o álbum ainda conta com “Luney Tune“, “Gutter Cat Vs. The Jets“, “Public Animal #9” e “Alma Mater“, quatro faixas empolgantes que unem os elementos mais básicos do Rock’n’Roll, numa linha bem Rolling Stones.

Animados e divertidos, os melhores momentos de “School’s Out” ainda contam com uma excepcional performance de Alice Cooper ao microfone, nitidamente um dos maiores intérpretes da sua geração.

Com a maravilhosa repercussão desse disco, distribuído pela Warner no mundo inteiro, Alice Cooper deu o primeiro passo para se tornar uma das maiores (e mais influentes) estrelas do som pesado.





Sobre o autor