Crianças do projeto Ouviravida realizam espetáculo musical

Apresentação gratuita e aberta à comunidade ocorre no sábado (11/12), às 16h, na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na comunidade do Bairro Bom Jesus, em Porto Alegre

O mês de dezembro é emblemático para as crianças do projeto social Ouviravida – Educação Musical Popular. É neste mês que, todos os anos, os estudantes sobem ao palco e mostram para a comunidade o resultado do ano inteiro de aprendizado na música. Neste ano, porém, o evento será ainda mais especial.

Será a primeira apresentação coletiva e aberta ao público desde que a pandemia começou. 

PUBLICIDADE

Foi um período de muita adaptação e resiliência”, comenta Nise Franklin, coordenadora pedagógica do projeto. Em 2020, as aulas ocorreram totalmente online, pelo WhatsApp.

Ainda que com todos os desafios e dificuldades que muitas crianças enfrentaram, conseguimos manter os alunos estudando, fizemos campanha para doação de celulares, conseguimos chips para dar acesso a internet para quem não tinha e distribuímos instrumentos para eles estudarem em casa”, relata.

Já em 2021, as aulas foram voltando gradualmente para o presencial. “Hoje estamos em adaptação permanente. Reestruturamos toda a nossa proposta para o projeto e estamos tentando reconstruir o que se tinha”.

PUBLICIDADE

A apresentação para a comunidade ocorre neste sábado (11/12), às 16h, na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Rua Um, 140 –  Em frente ao Mercado Flash –  Jardim Carvalho, Porto Alegre).

Cerca de 120 crianças participam do espetáculo de encerramento do ano, mostrando músicas com flauta doce, percussão e canto.

É um momento muito especial. Uma celebração para toda a comunidade, que poderá acompanhar o desenvolvimento musical e toda a dedicação das crianças nesse período. Vai ser muito bonito!”, comenta o maestro Tiago Flores, idealizador e diretor do projeto.

PUBLICIDADE

O Ouviravida oferece aulas gratuitas para crianças da Vila Pinto, no Bairro Bom Jesus, em Porto Alegre. O objetivo é promover a educação musical popular e trabalhar a autoestima de jovens em situação de vulnerabilidade social.

Idealizado pelo maestro Tiago Flores, Ouviravida surgiu em 1999 e esteve ativo até 2007 – quando, por falta de apoio, teve de encerrar suas atividades. A retomada só foi possível dez anos depois, em 2017. Hoje, o projeto conta com cerca de 170 matriculados nas aulas de canto, flauta doce e percussão, que ocorrem no Centro São José e Perpétuo Socorro – entidades beneficentes que atendem crianças e jovens no turno inverso ao da escola. 

Recentemente, após uma campanha de doação de instrumentos, o projeto conseguiu ampliar a oferta de aulas com novas modalidades: flauta transversal, teclado, gaita, violão e trompete. 

PUBLICIDADE

ESPETÁCULO MUSICAL: PROJETO OUVIRAVIDA
Data: Sábado (11/12)
Horário: 16h
Local: Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Rua Um, 140 –  Em frente ao Mercado Flash –  Jardim Carvalho, Porto Alegre).

Entrada franca

O Projeto Ouviravida – Educação Musical Popular é viabilizado pela Lei de Incentivo à CulturaConta com patrocínio máster de Dufrio, TKE e DLL, patrocínio da Alibem e Docile.

PUBLICIDADE

O financiamento é do Pró-Cultura RS – Governo do Estado do Rio Grande do Sul. E arealização é da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal – Pátria Amada Brasil.

Assessoria de Imprensa:
Raphaela Donaduce – Dona Flor Comunicação

Fotos:
Sofia Cortese

PUBLICIDADE