Está no ar o EP “Sementes da Retomada” com o Coral Arai Ovy & La Digna Rabia

Pics Música e Cultura | Está no ar o EP
Pics Música e Cultura | Está no ar o EP

O canto guarani se funde à diversidade musical latina num diálogo sonoro que cria rotas e aponta caminhos para um amanhã diverso e inclusivo

O projeto Sementes da Retomada tem por objeto a gravação de um EP e de um documentário que terão como artistas principais o Coral Araí Ovy, formado pelas crianças da retomada Mbya-Guarani Tekoa Ka’aguy Porã (mata sagrada) de Maquiné (RS), com o acompanhamento instrumental do Conjunto Musical La Digna Rabia.

O EP trará seis faixas, todas de autoria do coral e músicos guaranis, sendo cinco delas cantadas e uma instrumental.

O documentário apresentará os registros realizados ao longo de todo o processo de produção desse material, o que envolverá desde os encontros para ensaios e preparação dos arranjos até a gravação propriamente dita.

Todas essas etapas terão como local de realização a própria comunidade, localizada no km 5 da RS-484, em meio a um exuberante cenário de mata atlântica. Assim, o documentário também buscará apresentar ao público os diferentes aspectos do ñandé rekó, o modo de vida guarani, e sua importância para um momento em que refletimos sobre modos de vida social e ambientalmente harmônicos.

A intenção do projeto é apresentar possibilidades de diálogo intercultural entre as diferentes sonoridades trazidas pelos participantes, propondo assim um produto no qual o patrimônio cultural guarani ganhe uma roupagem contemporânea e em sintonia com as mestiçagens sonoras que marcam a cena musical atual.

Para isso foi formada equipe que conta com a participação de produtores com larga trajetória no campo das experimentações sonoras, assim como o suporte instrumental de uma banda que construiu sua trajetória incorporando diferentes gêneros musicais latino-americanos às influências da linguagem musical do rock e derivados, além de uma grande e experiente equipe no campo da produção audiovisual.

Em suma, trata-se de um desafio que se abre para diferentes possibilidades, o que leva ao nome escolhido para o projeto: Sementes da Retomada.


Pics Música e Cultura | Está no ar o EP

As músicas do EP Sementes da Retomada – Coral Arai Ovy & La Digna Rabia já estão disponíves no Soundcloud:



SOBRE O CORAL ARAÍ OVY

Pics Música e Cultura | Está no ar o EP
Maquiné – Rio Grande do Sul – Brasil. SEMENTES DA RETOMADA. Retomada Mbya-Guarani Tekoá Ka’aguy Porã (mata sagrada). Coral Araí Ovy. Foto: Terramar Imagem e Conteúdo / Sementes da Retomada

Coral Araí Ovy é o coral da Retomada Mbya-Guarani Teoka Ka´aguy Porã (mata sagrada), localizada no KM 5 da RS-484, em Maquiné – RS. É formado por 15 pessoas, entre músicos, vozes e dança. É coordenado por Romario Werá Xunun que também é compositor da maior parte das canções apresentadas pelo grupo.

Em 2021, completou três anos de existência, junto com a Retomada que celebrou quatro anos no dia 27 de janeiro.

“A música é a forma de apresentar nossa cultura, nosso lugar, nossa mata sagrada. A música fortalece nossa luta!” – Romario Werá Xunun.

O Coral é formada por:

Alexandro | Wera Xunu
Andreia | Jaxuka Poty
Cleiton | Karaí
Fabiana | Jaxuka Mirim
Gabriel | Karai Tataendy
Iedison | Kuaray Mirĩ
Jonata | Wera Mirĩ
Josiel | Kuaray
Larissa | Para
Madisson | Kuaray Mirĩ
Mailson | Karai Tataendy
Volmir | Wera Mimbi

Maestro e Compositor: Romário Werá Xunun

Apoio e Coordenação: André Benites e Eliana Benites


SOBRE O CONJUNTO MUSICAL LA DIGNA RABIA

Pics Música e Cultura | Está no ar o EP
Porto Alegre – Rio Grande do Sul – Brasil. SEMENTES DA RETOMADA. Conjunto Musical La Digna Rabia. Da esquerda para a direita: Gabriel Luzzi, Pietro Duarte, Marcelo Argenta, Igor Symanski, Zé Darcy, Gustavo Gaspar Almeida e Hiro Okido Foto: Terramar Imagem e Conteúdo / Sementes da Retomada

Criado em 2010 com a intenção de ser uma banda cover de rock cantado em espanhol, o Conjunto Musical La Digna Rabia foi, ano a ano, incorporando novos integrantes e novas sonoridades até chegar à escalação atual que reúne sete músicos e traz a mestiçagem sonora como marca distintiva.

Nessa trajetória, lançaram três EPs – La Digna Rabia (2012), Conexión Chiapas (2013) e Ni Olvido, Ni Perdón (2018) – e um CD intitulado “Conjunto Musical La Digna Rabia y el Increíble Baile Calavera” (2016).

Também em 2018 foi lançado o EP “La Digna Saudade”, projeto de remixes eletrônicos junto com o duo argentino Saudades de Cumbia.

Já estiveram no palco dos principais festivais do Rio Grande do Sul – Morrostock (2012 e 2014) e Pira Rural (2016, 2018 e 2019), e em 2017 foram a atração de encerramento do Projeto Som no Salão, da UFRGS, num show histórico que contou com a participação da Bateria da Escola de Samba Estado Maior da Restinga.

Além de terem passado por alguns dos principais palcos da capital gaúcha, são presença constante em manifestações callejeras e ocupações, colocando sua música em apoio aos movimentos sociais.

A banda é formada por:

Marcelo Argenta (voz/ teclado/synth)
Pietro Duarte (sax)
Gabriel Luzzi (trompete)
Hiro Okido (guitarra)
Igor Symanski Rey Gil (baixo)
Tavinho (percussão)

Artistas Convidados
Diego Schutz (teclado)
Luciel Izumi (charango)
Zé Darcy (bateria)

Mais informações sobre o projeto estão disponíveis no site oficial http://sementesdaretomada.com.br assim como em suas redes sociais, Facebook, Instagram e YouTube.

Assessoria de Imprensa:
Patuá Conteúdo Criativo

PUBLICIDADE