Metal Sul Festival recebe propostas de patrocínio para 3ª edição

20210708358994
20210708358994

O Metal Sul Festival é mais que apenas um festival musical. Ele é um projeto, um conceito, um norteador para a cena heavy metal do Rio Grande do Sul

Ele surgiu da vontade de tornar os festivais de música pesada mais ricos e profissionais, oferecendo aos artistas e público, uma experiência de qualidade e inovação. O MSF é bi-anual e sua primeira edição aconteceu em 2017, através do edital de cultura FAC Regional, sendo o primeiro festival de metal a ser contemplado em um mecanismo de fomento deste gênero em nível estadual no Rio Grande do Sul.

Em 2019, repetiu a dose, porém, com patrocinadores da iniciativa privada e parcerias institucionais públicas. Nas duas edições, o festival reuniu mais de 200 artistas gaúchos, criou um repertório metal para orquestra de sopros e reuniu um grande público nas cidades de Bento Gonçalves e Caxias do Sul. De acordo com a produtora Cláudia Kunst, o Metal Sul Festival tem enriquecido a cena musical pesada, inclusive, colocando o público para participar ativamente do evento, através de votações e sugestões.

PUBLICIDADE

O festival sempre recebe as sugestões de bandas através das redes sociais. Este ano, provavelmente não será possível atender a demanda, devido à pandemia. Mas, certamente, teremos outras ações das quais o público poderá interagir”. Cláudia destaca que a maior motivação do MSF são as inúmeras bandas que o Estado tem.

Nosso maior sonho é que todas as bandas de heavy metal gaúchas passem por alguma edição do festival”, salienta.

Captação de recursos

PUBLICIDADE

Cláudia explica que programação completa está sendo divulgada para empresas contatadas, e o anúncio oficial ocorrerá quando o valor mínimo necessário for contemplado. “Já podemos antecipar que a programação será on-line e uma das atividades será um simpósio, que abordará, durante uma semana, temas relacionados ao heavy metal em diversos segmentos como moda, mercado musical, estética artística e outros. E contará com convidados pesquisadores, músicos, produtores, acadêmicos, estilistas e professores universitários. O restante da programação? O restante será suspense”, brinca a produtora.

Previsto para novembro, a 3ª edição acontecerá num momento atípico e de grande dificuldade para o setor cultural. “Entendemos que financeiramente falando o momento ainda é delicado. Estamos trabalhando muito e, somente desta forma será possível viabilizar tudo o que está sendo planejado”, comenta Cláudia. A produtora acrescenta que o setor cultural ainda não conseguiu retomar suas atividades integralmente e não tem previsão de se restabelecer tão cedo.

Abrir publicamente a ação de captação não é o comum dentro do nosso setor. Geralmente acionamos as empresas e acompanhamos o fluxo de adesão de maneira pontual. Mas acredito que esta opção, pode trazer visibilidade ao projeto. Desta forma, anunciamos: estamos na vitrine”.  

PUBLICIDADE

O 3º Metal Sul Festival conta com a parceria da Secretaria de Cultura de Bento Gonçalves, Fundação Casa das Artes, RS Criativo, Universidade Feevale, Só uma Xícara e vários participantes já confirmados.

Convidamos as empresas que acreditam na cultura e no poder da música, a investir neste projeto. Estamos mais que prontos para mostrar o que estamos planejando”, conclui Cláudia.

Conheça o MSF: https://lnkd.in/dWkm2sM
Contatos: [email protected]

PUBLICIDADE