Pedro Longes lança Canções de Amor e Solidão, álbum de inéditas, no dia 19 de março

Pics Música e Cultura | Pedro Longes lança Canções de Amor e Solidão, álbum de inéditas, no dia 19 de março
Pics Música e Cultura | Pedro Longes lança Canções de Amor e Solidão, álbum de inéditas, no dia 19 de março
Crédito: Raul Krebs

No próximo dia 19 de março, sexta-feira, chega a todas as plataformas digitais o álbum Canções de Amor e Solidão, em formato EP, do cantor e compositor canoense Pedro Longes

Financiado pela Lei Aldir Blanc Canoas, o novo álbum de Pedro Longes busca, na música brasileira e latina, a fonte para contar histórias como a de Marcos, um homem solitário e infeliz com seu trabalho; da atriz anônima que sonha em viver do teatro e se vê obrigada a gravar pornochanchadas para sobreviver; da rotina solitária de um sapateiro e sua sapataria; das tormentas do fim de um relacionamento; da esperança em cantar, mesmo quando as coisas parecem não estar bem, entre outras sutilezas da vida cotidiana.

As seis faixas que compõem o álbum foram escritas por Longes, entre os últimos anos em que viveu no Chile, e todo o período de quarentena em 2020, já de volta ao Rio Grande do Sul. Os arranjos do EP, estruturados principalmente em cordas (violões, guitarras, bandolim e baixo) e percussões, foram criados e gravados pelo músico porto-alegrense James Liberato, vencedor do Prêmio Açorianos de Música 2020, na categoria melhor disco instrumental. Combinando as influências dos músicos e as participações dos convidados Will Gomes e Daniel Mueller, o álbum traz uma sonoridade brasileira e latina, atualizando boleros, choros e baladas em canções inéditas.

Uma característica musical de Longes, presente neste disco e em trabalhos anteriores, como nos álbuns Longes Canta Spinetta (2018) e Conexión (2015), é a fusão de elementos compositivos, influências, escalas, emoções, na busca de atmosferas híbridas, por vezes irônicas, e na abertura de espaços para a interpretação do ouvinte. É o caso da canção Marcos, o Ausente, que integra este novo álbum. Enquanto a letra relata a história de um homem triste, desgastado com seu trabalho, a melodia e harmonia contrastam com um ar de esperança e otimismo.

Outro exemplo é o Choro de Alegria, que se utiliza da linguagem e ritmo do choro, mas incorpora a guitarra elétrica como instrumento base e uma harmonia não comprometida com a estrutura tradicional do gênero. Canções de Amor e Solidão também visitou alguns estilos que já foram bastante populares no Brasil, como é o caso do bolero, em Quero Te Fazer Cantar, e das antigas baladas, em Quando Passe Essa Tormenta.

Para celebrar o lançamento, Pedro Longes convida o músico James Liberato, arranjador e instrumentista do álbum, para uma conversa “ao vivo”, a ser transmitida pelo Instagram do artista, no dia 18 de março, às 20h. O bate-papo busca apresentar parte do processo de criação de cada canção, arranjos, influências, além contar mais sobre a carreira dos músicos.

SERVIÇO 1:

O Quê? Pedro Longes lança o álbum Canções de Amor e Solidão, nas plataformas digitais
Quando: Sexta, dia 19 de março de 2021
Onde: Spotify, Deezer, iTunes, Youtube e outras plataformas.
Como: Links disponíveis nas redes sociais de Pedro Longes: instagram.com/pedrolonges
Quanto: Gratuitamente no Spotify, Deezer e Youtube. Disponível para compra em formato download digital.

SERVIÇO 2:

O Quê? Live de lançamento com James Liberato
Quando: Quinta, dia 18 de março de 2021
Onde: instagram.com/pedrolonges
Como: Acessar ao vivo, direto no Instagram de Pedro Longes

Quanto: Gratuitamente. É necessário ter uma conta no Instagram para assistir.

Ficha Técnica do

Álbum Canções de Amor e Solidão
Letra e música: Pedro Longes
Arranjos, Gravação e Mixagem: James Liberato
Masterização: Wagner Lagemann
Participações:Daniel Mueller e Will Gomes
Fotografias: Raul Krebs
Produção de Conteúdo: Henrique Bitelo
Planejamento Cultural, Produção e Divulgação: Silvia Abreu
Gravado em janeiro e fevereiro de 2021, no Estúdio Bem-te-vi, em Porto Alegre, RS.
Masterizado no Estúdio Pedra Redonda, em Porto Alegre, RS.

PUBLICIDADE