Jornalista e radialista especializado em jazz, Paulo Moreira apresentará no dia 29 de outubroquinta-feira, às 18h30, um evento virtual em homenagem a Jaco Pastorius, um dos mais influentes baixistas de todos os tempos.

Crédito: Manfred Becker

Durante a audição comentada, o público conhecerá detalhes sobre a trajetória do artista que revolucionou a cena musical com harmonias e técnicas inovadoras e ainda poderá acompanhar um pocket show especial com participação do baixista gaúcho Nico Bueno e seus parceiros Julio “Chumbinho” Herrlein (guitarra) e Lucas Fê (bateria) interpretando algumas das maiores composições do músico norte-americano.

A atividade será transmitida ao vivo pela plataforma Zoom, com possibilidade de interação entre os participantes e o professor. As inscrições custam R$ 20 e podem ser feitas no site www.institutoling.org.br.

Jaco Pastorius (1951 – 1987) deixou um legado importante não só para o cenário do baixo e do jazz, mas para a música como um todo. O jovem norte-americano, que faleceu cedo, aos 35 anos, começou a fazer seu nome no mundo musical aos 17, quando comprou uma Fender Jazz Bass. Em seguida, já começou a ser notado e a construir sua breve e marcante carreira, que o levou a tocar com nomes como Wayne Cochran e Pat Metheny e na banda Weather Report.
 
Paulo Moreira tem 39 anos de carreira, na sua maioria dedicados à produção, redação e radiodifusão de conteúdos musicais. Atuou na Rádio 102 FM, de 1994 a 1996, produzindo o programa Jam Session, apresentado por Ruy Carlos Ostermann. De 1997 a 1999, exerceu crítica de música e cinema no jornal Correio do Povo. Realizou cursos sobre História do Jazz e do Rock durante quatro anos dentro da programação do StudioClio. Produziu e apresentou o programa Sessão Jazz na rádio FM Cultura por quase 20 anos. Atualmente, apresenta o mesmo programa na rádio online salvesintonia.com, mostrando o jazz de todos os tempos e as manifestações instrumentais dos artistas gaúchos, brasileiros e internacionais. O programa vai ao ar de segunda a sexta, das 20h às 22h, e tem reprises nos mesmos dias, das 7h às 9h.
 
As Audições Comentadas de Jazz são uma realização do Instituto Ling e do Ministério do Turismo / Governo Federal, com patrocínio de Crown Embalagens, Fitesa e America Tampas.

SERVIÇO – PROGRAMAÇÃO ON-LINE – MÚSICA

Audições Comentadas de Jazz em homenagem a Jaco Pastorius com o jornalista Paulo Moreira e canja musical com o baixista Nico Bueno e seus parceiros Julio “Chumbinho” Herrlein (guitarra) e Lucas Fê (bateria)

Dia 29 de outubro, quinta-feira, às 18h30, pela plataforma Zoom

As inscrições custam R$ 20 e podem ser feitas no site www.institutoling.org.br
 
Classificação etária: Livre
Duração: 90 minutos
 
Informações úteis
http://www.institutoling.org.br
http://www.facebook.com/InstitutoLing
http://www.instagram.com/Instituto.Ling
http://twitter.com/@InstitutoLing
http://www.youtube.com/c/InstitutoLingCultural

Fone: 51 3533-5700
Email[email protected]

Sobre o Instituto Ling
Com 25 anos de atuação, o Instituto Ling é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a transformação da sociedade através da educação e da cultura. Criado e mantido pela família Ling, atua em três segmentos: educação, cultura e saúde. Sua missão é promover o desenvolvimento humano e a evolução da sociedade através da disseminação de diferentes formas do conhecimento, da liberdade de pensamento, da valorização da cultura e da saúde. Na área da educação, desde 1995 auxilia jovens líderes a desenvolverem seus potenciais intelectuais e empreendedores através da concessão de bolsas de estudo para as melhores instituições do mundo. A abertura de seu centro cultural em Porto Alegre, no ano de 2014, ampliou e solidificou a atuação do Instituto, firmando-o como centro de referência na disseminação do conhecimento e do livre-pensar, fomentador da educação de excelência em seus múltiplos formatos e provedor de serviços e produtos culturais diferenciados, com elevado padrão de qualidade e estética.
 
Na área da saúde, o Instituto Ling estabeleceu parceria com o Hospital Moinhos de Vento, em 2015, para a implantação de um centro de referência no tratamento do câncer em Porto Alegre, e com a Santa Casa de Misericórdia, em 2019, contribuindo para a construção do novo prédio do complexo hospitalar em Porto Alegre. A família Ling, mantenedora do Instituto, é proprietária da “holding company“ Évora. O grupo empresarial produz e comercializa latas de alumínio para bebidas, não-tecidos de polipropileno (usados principalmente na produção de descartáveis higiênicos) e tampas plásticas para bebidas e produtos de higiene e beleza.

Assessoria de Imprensa:
Jéssica Barcellos Comunicação

0