Foram 5 anos de espera, e valeu a pena. Em sua segunda passagem por Porto Alegre o Anthrax mostrou a qualidade sonora que persiste ao tempo. É isso que faz do Anthrax um dos quatro seletos integrantes do Big Four do Thrash Metal, ao lado de Metallica, Slayer e Megadeth.

Espalhando a doença da música instigante entre os vivos desde 1981, o quinteto retornou a Porto Alegre em 10 de novembro.

O show, produzido pela Abstratti Produtora, desta vez foi no Bar Opinião e levou os headbangers ao mais puro estado de euforia, lotando a casa e não deixando nada a desejar.

Apesar da barreira da lingua a banda interagia muito com o público que prontamente respondia, criando uma diálogo que só a música é capaz de fazer.

Como banda, o Anthrax teve suas turbulências criativas, mas elas acrescentaram à sua química única. Todos os cinco membros contribuíram com ideias e fizeram sugestões para praticamente todos os sons no trabalho mais recente, For All Kings (2016), considerado ums dos melhores trabalhos da banda.

O baterista Charlie Benante fez apontamentos importantes nas construções iniciais; O guitarrista Scott Ian usou um jeito muito particular para incorporar suas ideias líricas nas músicas; Bello provou ser muito talentoso em escrever melodias, o que estabeleceu a banda à parte dos congêneres; O vocalista Joey Belladonna criou linhas para encaixar da melhor maneira seu vocal crescente; E o guitarrista Jon Donais (Shadows Fall) trouxe riffs esmagadores.

Setlist
▪ Among the Living
▪ Caught in a Mosh
▪ Got the Time
▪ Madhouse
▪ Fight’em
▪ Breathing Lightning
▪ Medusa
▪ I Am the Law
▪ March
▪ Blood Eagle Wings
▪ Be All
▪ N.F.L.
▪ Anti Social
▪ Indians

Realização: Abstratti Produtora

Foto: Alex Vitola / @alexvitola

Todos os direitos reservados.
Proibida reprodução sem autorização.